Cuiabá

Secretária de Turismo reforça ações de valorização cultural em celebração a 1ª missa rezada em Cuiabá

Publicados

em


A secretária municipal de Turismo, Iracilda Campos, participou no domingo (22) de celebração que relembra a primeira missa rezada em Cuiabá, em  fevereiro de 1721, na então comunidade da Forquilha, hoje, do Coxipó do Ouro. O arcebispo Metropolitano de Cuiabá, Dom Milton Santos,  foi o responsável pela celebração.

“Representar o prefeito Emanuel Pinheiro em uma festividade tradicional é motivo de grande satisfação como gestora da pasta turística do município. Isso demonstra o respeito e a valorização da história. Somos pautados nesses valores, no resgate dos principais pontos turísticos da capital. Queremos reviver o que Cuiabá já possui”, disse a secretária Iracilda.

A comunidade de Coxipó do Ouro integra o projeto de criação de mais um Complexo Turístico desenvolvido pela Secretaria envolvendo as três comunidades, Coxipó do Ouro, Rio dos Peixes e São Jerônimo. “O projeto está na fase de estudo e avaliação técnica e em um breve futuro os trabalhos sejam iniciados, como mais um ação da Secretaria pautado no fortalecimento turístico de Cuiabá”, lembrou a Iracilda.  

Participaram da celebração, o presidente da Associação de Moradores, Thiago Pedrosi, Padre Felisberto Samuel da Cruz, da Arquidiocese de Cuiabá e da historiadora, jornalista e membro da Academia Mato-grossense de Letras, Neila Barreto.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cuiabá

Prefeitura mantém ações voltadas para o acolhimento da população em situação de rua

Publicados

em


A Prefeitura de Cuiabá por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência mantém ações especificas destinadas ao atendimento à população em situação de rua no enfrentamento a pandemia do coronavírus. O cuidado com o público em situação de vulnerabilidade social recebe atenção especial da primeira-dama da capital, Márcia Pinheiro.

Ações de abordagem são realizadas de forma contínua pelas equipes da Assistência que percorrem diariamente a cidade informando ao público sobre as unidades existentes e encaminhá-los para acolhimento. Essas ações são realizadas pelas  equipes dos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

A secretária municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, Hellen Ferreira, pontua ainda que a  rede de Assistência conta com três albergues municipais, sendo o Manoel Miráglia, o albergue instalado na região do Porto, além do Hotel Albergue  instalado em parceria com  uma rede de hotéis o que possibilitou a  ampliação da capacidade de abrigamento desse público.  

Atualmente, o “Hotel Albergue” abriga 84 pessoas em situação de rua, sendo a maioria das vagas ocupadas por homens. Já os albergues municipais contam com 112 pessoas abrigadas, sendo 39 no Albergue Manoel Miráglia, 45 no Albergue do Porto e 28 no Albergue da Guia. Cada unidade tem capacidade de atendimento de até 50 pessoas.

Os albergues municipais destinam-se ao atendimento de pessoas em trânsito ou que vieram para Cuiabá e não conseguem voltar de imediato as suas respectivas cidades.

Já o “Hotel Albergue”  é a unidade que atende pessoas que já foram referenciadas pela Assistência Social por meio dos CREAS.

A secretária ressalta que muito mais que garantir o acolhimento, o trabalho desenvolvido é preventivo.

“Todos os dias ocorrem desligamentos voluntários devido a dificuldade de permanecer em isolamento social. O número muda de um dia para o outro conforme as ações de acolhimento e desligamento. É por isso que o trabalho é diário. A nossa equipe não tem medido esforços para acolher o maior número de pessoas”, disse a secretária.

Para aqueles que não aceitam o acolhimento, são distribuídas refeições todos os dias, em diferentes pontos da cidade como também no Aterro Sanitário. Além também de kits de higiene pessoal e álcool gel.

“Esse trabalho de sensibilização é permanente. É meta do nosso prefeito Emanuel Pinheiro e da nossa primeira-dama Márcia Pinheiro oferecer acolhimento para o maior número possível de pessoas em risco de vulnerabilidade social. Sabemos que muitos ainda são resistentes, mas com esse trabalho contínuo, aos poucos, vamos alcançando os resultados esperados”, finalizou.

Continue lendo

Cuiabá

Veja como funcionam as Secretarias de Governo e Cultura, Esporte e Lazer com reforço de medidas de biossegurança

Publicados

em


Luiz Alves

Clique para ampliar

A Secretaria de Governo, localizada no sétimo andar do Palácio Alencastro, passa a funcionar em regime de revezamento dos servidores alocados na Pasta até o dia 21 de março. O atendimento presencial ao público deverá ser agendado. Já a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer também está com seus funcionários em rodízio, mas o atendimento presencial ao público está suspenso.

As medidas foram tomadas em decorrência do decreto municipal de nº 8.340, anunciado em 02 de março de 2021 sob determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, os servidores da capital, com exceção de áreas essenciais, poderão cumprir sua jornada por revezamento de 03 a 21 de março, de acordo com a orientação de cada gestor de Secretaria. Servidores municipais do grupo de risco- como já previsto por meio do decreto 8.331/2021 de 26 de fevereiro, permanecem em home office até 31 de maio.

Ambas as Secretarias reduziram seu efetivo em trabalho presencial em 50% para aumentar o distanciamento mínimo entre os servidores. As medidas de biossegurança, como uso de máscara e álcool 70% foram ainda mais reforçadas.

Para agendamentos na Secretaria de Governo, basta entrar em contato pelo telefone (65) 3645-6130. O Gabinete do Prefeito atenderá também mediante agendamento pelo telefone (65) 3645-6001.

Já a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, o atendimento será realizado via telefone (65) 3617-1261.

Continue lendo

Cuiabá

Cuiabá transfere para abril evento com a presença de Michele Bolsonaro e secretária nacional da Mulher

Publicados

em


Vicente Aquino

Clique para ampliar

Mediante a preocupação com o contágio do novo coronavírus, a primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, e a secretária da Mulher, Luciana Zamproni, transferiram para o mês de abril a agenda de 11 de março, que teria como convidada a secretária nacional de Mulheres, do Ministério dos Direitos Humanos, Cristiane Britto e da primeira-dama Michelle Bolsonaro.  A atividade integraria as atividades do ‘Março Mulher’.

Segundo Márcia Pinheiro, o momento é de cuidado com os cuiabanos e por isso a decisão. Ela reforça que optou pela mudança, atendendo as medidas emergenciais de biossegurança estabelecidas por meio de decreto.

“Teremos outras oportunidades, certamente. Nesse momento, teremos cautela pois sabemos que pode ocorrer uma grande aglomeração de pessoas e da imprensa tendo em vista a importância e o trabalho que elas desenvolvem no Brasil afirma.

De acordo com a secretária da Mulher,  Luciana, algumas datas da programação foram alteradas, porém as capacitações e o lançamento da roda de conversa “AutoAmor” foram mantidas, seguindo todas as medidas de biossegurança, com o total de 50 pessoas, uso de máscara e distanciamento. Ela pondera que boa parte da programação organizada para 2021 foi pensada no formato digital.

“Tivemos que fazer uma readequação em alguns eventos, como o lançamento do programa “Mulheres que mudam Cuiabá”, onde iriamos homenagear cerca de 140 mulheres garis, 20 mulheres motoristas de ônibus, além de profissionais que trabalharam por Cuiabá neste tempo de pandemia. Realizaríamos também também o Pedal rosa, entrega de flores, mas optamos em transferir estas datas para o final do mês e não cancelar os eventos que já tínhamos programado desde o ano passado”, explica.

Zamproni destaca que neste mês, a pasta irá participar por videoconferência de uma mesa redonda que discutirá políticas públicas, igualdade de gênero e empreendedorismo feminino, tendo a  presença da Ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damaris Alves. O evento é uma promoção da Fatec-Senai de Mato Grosso em parceria com Organização Internacional do Trabalho (OIT) e da ONU Mulheres.

A atividade terá como pauta a Lei Maria da Penha, os tipos de violência, medidas de proteção que podem ser adotadas o atendimento à mulher.

Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana