fbpx

Esportes

São Paulo acerta a contratação de Nahuel Bustos

Publicados

em

E já tem mais um reforço no Tricolor! Após as recentes chegadas de Marcos Guilherme, Galoppo e Felipe Alves, o São Paulo acertou nesta sexta-feira (5) a contratação do atacante Nahuel Bustos, que assinou contrato até 30 de junho de 2023 – com possibilidade de renovação até o final do próximo ano.

O argentino de 24 anos, que pertence ao Manchester City-ING e estava no Girona-ESP, chega por empréstimo para reforçar a equipe dirigida pelo técnico Rogério Ceni na sequência da temporada.

“O São Paulo viu a oportunidade de se reforçar com um jogador de qualidade internacional e não hesitou em concretizar a negociação. Esse jovem talento vai contribuir muito ao São Paulo. Agradeço também ao Grupo City pela lisura em todo o processo de negociação”, disse o Presidente Julio Casares.

“Aproveitamos essa janela de contratações não só para fortalecer o elenco para o restante de 2022, mas também como parte do planejamento para a próxima temporada. Com a qualidade que tem, certamente o Nahuel Bustos vai agregar muito ao nosso elenco”, afirmou o diretor de futebol Carlos Belmonte.

CARREIRA

Natural de Córdoba, na Argentina, Lautaro Nahuel Bustos foi revelado no Talleres.

Ainda nas categorias de base, em 2016, foi convocado para defender a Seleção Argentina Sub-20 e, depois, foi bicampeão do Torneio de Reserva pelo clube em 2017 e 2018, além de integrar o elenco durante parte da campanha que resultou na conquista da Primera Nacional B, em 2016, dando o acesso à primeira divisão.

Destaque e goleador na base, o atacante foi vice-artilheiro da CONMEBOL Libertadores Sub-20 de 2018, com quatro gols em cinco partidas, e acabou promovido definitivamente ao elenco principal.

O jogador iniciou a sua trajetória no time profissional do Talleres com quatro gols nos primeiros cinco jogos, no segundo semestre de 2018.

Os primeiros passos pela equipe de Córdoba despertaram o interesse do Pachuca, do México, que acertou o empréstimo de Bustos em 2019 – o atacante estreou com gol, na vitória por 2 a 1 sobre o Atlante, pela Copa do México.

Após a passagem pelo futebol mexicano, o atleta retornou ao Talleres, em 2020, e balançou as redes dez vezes em 22 jogos, além de conquistar o Torneio Pré-Olímpico Sul-Americano Sub-20 (2020), na Colômbia, com a Seleção Argentina.

As atuações renderam a oportunidade de atuar na Europa: foi adquirido pelo Manchester City, da Inglaterra, e cedido ao Girona, da Espanha.

Na estreia pelo clube espanhol, foi decisivo e deu a assistência para o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Real Oviedo, pela Segunda Divisão do Campeonato Espanhol. A equipe chegou ao playoff pelo acesso, mas acabou derrotada pelo Rayo Vallecano.

Na última temporada (21/22), então, Bustos fez parte da épica campanha que deu ao Girona o acesso a La Liga pela terceira vez em sua história, marcando 11 gols.

NAHUEL BUSTOS

Nome completo: Lautaro Nahuel Bustos

Data de nascimento: 04/07/1998 (24 anos)

Local de nascimento: Córdoba, na Argentina

Posição: atacante

Altura: 1m76

Peso: 74kg

Clubes: Talleres (2015-2018), Pachuca (2018/19), Talleres (2020), Girona (2020-2022) e São Paulo (desde 2022)

Títulos: Primera Nacional B (2016) e Torneo de Reserva (2017 e 2018)

Convocações: Seleção Argentina Sub-20 (2016 e 2018)

Título com a Seleção Argentina: Torneio Pré-Olímpico Sul-Americano Sub-20 (2020), na Colômbia

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esportes

Mengão vence Athletico-PR, com golaço de Pedro e garante vaga na semifinal da Copa do Brasil

Publicados

em

O Flamengo foi até a Arena da Baixada e venceu o Athletico-PR por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (17,08) e avançou para as semifinais da Copa do Brasil.

O gol do Mengão foi marcado por Pedro, no início do segundo tempo. Agora, o Rubro-Negro aguarda seu adversário, que sairá do confronto entre São Paulo e América-MG.

O jogo

O Flamengo começou a partida tomando a iniciativa de ficar com a bola, trocando passes no campo ofensivo. Aos seis minutos, o Mais Querido criou a primeira boa oportunidade. Arrascaeta dominou na intermediária, limpou a jogada e bateu para o gol. A bola passou por cima do travessão.

O Athletico parava o jogo com muitas faltas, dificultando a saída de bola do Fla. Na reta final da primeira etapa, o time rubro-negro voltou a crescer na partida e ocupava o campo de ataque em busca de espaços na defesa paranaense. Aos 38’, Everton Ribeiro lançou Gabigol pela direita, o atacante cruzou na área e Arrascaeta cabeceou para fora.

Aos 41’, Arrascaeta ajeitou para Gabigol soltar a bomba de canhota. Bento espalmou para escanteio. O Flamengo foi melhor na etapa inicial, porém o placar não saiu do zero.

O segundo tempo começou com o mesmo panorama do primeiro: o Flamengo dominando as ações e o Athletico fechado atrás esperando para descer no contra-ataque. Aos 6’, Rodinei recebeu de Everton Ribeiro e bateu cruzado. Bento deu rebote para o meio da área e Fernandinho fez o corte.

De tanto insistir, o Mengão abriu o placar com um golaço! Rodinei foi na linha de fundo e cruzou na pequena área. Pedro apareceu livre para emendar uma linda bicicleta, sem chances para o goleiro: 0 a 1.

Após o gol, o Athletico passou a sair mais para o ataque, deixando o jogo mais aberto. Aos 29’, Pedro arrancou em velocidade, ficou cara a cara com o goleiro e rolou para Gabi, que chutou na trave. Ótima oportunidade desperdiçada.

Nos minutos finais, o Athletico pressionou em busca do empate, mas o Fla conseguiu se segurar e saiu de campo com a vitória e a classificação garantida para a semifinal.

Próximo compromisso

O Mais Querido volta a campo no domingo (21) para enfrentar o Palmeiras, às 16h, no Allianz Parque, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA: 

ATHLETICO-PR 0 x 1 FLAMENGO

Competição: Copa do Brasil – jogo de volta das quartas de final

Data e hora: 17 de agosto de 2022 (quarta-feira), às 21h30 (de Brasília)

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP)

Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Neuza Ines Back (SP)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Cartões amarelos: Terans, Fernandinho, Hugo Moura (ATH); João Gomes (FLA) Gol: Pedro, aos 11 minutos do primeiro tempo (FLA)

ATHLETICO: Bento; Matheus Felipe (Cuello), Thiago Heleno e Pedro Henrique; Khellven, Erick, Hugo Moura (Vitor Bueno), Fernandinho e Abner; Terans (Vitinho) e Pablo (Canobbio). Técnico: Luiz Felipe Scolari

FLAMENGO: Santos, Rodinei, Fabrício Bruno, Léo Pereira e Filipe Luís; João Gomes, Vidal (Victor Hugo), Arrascaeta (Diego) e Everton Ribeiro (Pablo); Gabigol (Everton Cebolinha) e Pedro (Lázaro). Técnico: Dorival Júnior.

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Timão goleia o Atlético-GO e garante vaga na semifinal da Copa do Brasil

Publicados

em

A noite desta quarta-feira (17.08) foi marcante para a Fiel! O Corinthians entrou em campo para mais um desafio importante na temporada 2022 e conseguiu um resultado grandioso, pelas quartas de final da Copa do Brasil, o Timão encarou o Atlético-GO e, após derrota na partida de ida por 2 a 0, venceu diante da Fiel na Neo Química Arena por 4 a 1.

Os gols alvinegros foram marcados por Gil, na primeira etapa, e três de Yuri Alberto, na segunda.

Com a vitória por 4 a 3 na soma dos placares, o Coringão se garantiu na fase semifinal da competição nacional. O Timão não conquistava este feito desde o ano de 2018, quando foi vice-campeão. O adversário do Corinthians será o Fluminense e as datas ainda serão definidas pela CBF.

O Timão começou a partida já em busca do gol. Logo no primeiro lance de jogo, o Coringão trocou bons passes e chegou até a grande área adversária. Yuri Alberto tentou cruzamento rasteiro, mas foi bloqueado pela zaga. 

Aos dois minutos, com Róger Guedes, mais uma chegada de perigo. O camisa 10 mandou uma bomba da entrada da área e obrigou o goleiro a fazer a defesa e mandar pela linha de fundo. 

Aos cinco minutos, quem quase abriu o placar foi Yuri Alberto. O centroavante recebeu passe de Adson na entrada da área, abriu espaço e bateu cruzado, mas o goleiro mais uma vez evitou o gol alvinegro.

Os minutos seguintes seguiram com domínio corinthiano, com boas jogadas em direção ao ataque. 

Aos 35 minutos, o Coringão chegou muito perto de abrir o placar. Róger Guedes fez ótima jogada, carregou e, de fora da área mesmo, finalizou forte, mas a bola explodiu na trave esquerda do goleiro. 

O Timão tentou, tentou, e conseguiu o gol ainda na primeira etapa! Aos 41 minutos, Renato Augusto recebeu na direita, dominou e cruzou na segunda trave para Gil. O zagueiro subiu bem e testou forte para abrir o placar para o Corinthians. 1 a 0 para o Alvinegro na Neo Química Arena! 

Segundo tempo

O Corinthians iniciou a etapa complementar sem alterações e em busca do segundo gol. A primeira finalização veio logo aos dois minutos. Du Queiroz trabalhou na direita, bola sobrou para Fausto chegar batendo, mas a bola desviou na defesa do Atlético-GO. 

E na segunda finalização, o segundo gol do Corinthians! Róger Guedes foi lançado em velocidade, abriu espaço e tocou para Yuri Alberto. O atacante recebeu, invadiu a área e bateu com força. A bola passou entre as pernas do goleiro e balançou a rede. 2 a 0 pro Timão em Itaquera!

Aos oito minutos, quase o terceiro gol! Mais uma vez Gil subiu bem na grande área e cabeceou firme, mas agora o goleiro conseguiu buscar no cantinho e mandar para escanteio. 

E foi aos 10 minutos que veio o terceiro! E mais uma vez com ele, Yuri Alberto. Renato Augusto cobrou falta no meio da área e o centroavante subiu mais alto que todo mundo e desviou para ampliar a vantagem alvinegra. 3 a 0 Corinthians! 

Aos 18 minutos, a primeira alteração na equipe. Entrou Giuliano no lugar de Du Queiroz. 

E ainda tinha mais guardado para o Yuri Alberto. Aos 27 minutos, o terceiro gol do camisa 7! Gil deu chutão e Renato Augusto ajeitou de cabeça. O atacante invadiu a área do Atlético-GO e tocou com classe, por cima do goleiro. Um golaço do Corinthians na Neo Química Arena. 4 a 0! 

Em seguida, mais duas alterações no Alvinegro. Saíram Adson e Renato Augusto para as entradas de Cantillo e Gustavo Silva. 

As duas últimas mudanças na equipe aconteceram aos 38 minutos. E ambas foram no ataque. Saíram Róger Guedes e o artilheiro da noite, Yuri Alberto, para as entradas de Giovane e Jr. Moraes. 

Em seguida, o Atlético-GO ainda conseguiu marcar aos 41 minutos. Depois, foi só segurar a vantagem. Goleada e classificação garantida na Copa do Brasil 2022. 

FICHA TÉCNICA 

CORINTHIANS 4×1 ATLÉTICO-GO 

Competição: Copa do Brasil (volta das quartas de final) 

Data e hora: 17 de agosto de 2022 (quarta-feira), às 21h30 (de Brasília) Local: Neo Química Arena, em São Paulo 

Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ) 

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ)

Árbitro de Vídeo (VAR): Rafael Traci (SC)

 Cartões amarelos: Wellington Rato (ATG), Raul Gustavo (COR), Yuri Alberto (COR), Giovane (COR), Cássio (COR) 

Cartões vermelhos: não houve

 Gol: Gil (COR), aos 41 min do 1° tempo; Yuri Alberto (COR), aos 4 min do 2° tempo, aos 11 min do 2° tempo e aos 26 min do 2° tempo; Wellington Rato (ATG), aos 42 min do 2° tempo 

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Balbuena e Fábio Santos; Du Queiroz (Giuliano), Fausto Vera e Renato Augusto (Cantillo); Adson (Gustavo Mosquito), Róger Guedes (Giovane) e Yuri Alberto (Júnior Moraes). Técnico: Vitor Pereira 

ATLÉTICO-GO: Renan; Dudu (Hayner), Wanderson, Lucas Gazal e Jefferson (Arthur Henrique); Baralhas, Marlon Freitas e Jorginho (Airton); Wellington Rato, Léo Pereira (Ricardinho) e Luiz Fernando. Técnico: Jorginho

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Fluminense consegue empate e está na semifinal da Copa do Brasil

Publicados

em

O Fluminense empatou em 2 a 2 com o Fortaleza nesta quarta-feira (17.08), no Maracanã, pela partida de volta das quartas de final e avança na Copa do Brasil. No placar agregado de 3 a 2, o Time de Guerreiros levou a melhor.

Com direito a espetáculo na arquibancada dos mais de 60 mil torcedores, o Tricolor, após sair perdendo por 2 a 0, conseguiu a reação na segunda etapa, e com gols de Ganso e Cano garantiu a classificação.

A equipe comandada pelo técnico Fernando Diniz volta a campo no sábado (20/08), quando enfrenta o Coritiba, às 19h, no Maracanã, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

PRIMEIRO TEMPO

Aos 4 minutos, Arias, pelo lado direito, conseguiu o cruzamento para Germán Cano, que cabeceou por cima do gol. Aos 7, após excelente passe de Ganso, Cano limpou o adversário e finalizou forte para grande defesa do goleiro.

Aos 11 minutos, Thiago Galhardo abriu o placar para o Fortaleza. Aos 15, Nonato arriscou de fora da área e mandou por cima. Aos 18, Ganso cobrou escanteio, Cano se desvencilhou da marcação e cabeceou nas mãos do goleiro.

Aos 30 minutos, Samuel Xavier cortou o defensor e tentou o chute, mas a bola foi desviada e o goleiro fez boa defesa. Aos 45, Silvio Romero ampliou para o Fortaleza. Aos 47, Samuel Xavier bateu, mas a bola explodiu na defesa, o que se repetiu com Cano, no rebote.

SEGUNDO TEMPO

Logo no primeiro minuto da segunda etapa, Nonato aproveitou a sobra e mandou para o gol, mas o goleiro fez a defesa. Aos 7, após cobrança de escanteio, Manoel desviou, Cano não alcançou e a bola saiu pela linha de fundo.

Aos 11 minutos, em cobrança de escanteio de Ganso, Manoel mandou por cima. Aos 18, Ganso, de pênalti, diminuiu o placar para o Fluminense. Aos 23, Arias avançou pelo lado esquerdo e achou Cano na área, que chutou fraco para a defesa do goleiro.

Aos 26 minutos, Arias, pelo lado direito, acertou passe para Cano, que empatou o jogo para o Tricolor. Aos 39, Cano tentou o chute colocado e mandou por cima.

FICHA TÉCNICA

Fluminense (02) x (02) Fortaleza

Copa do Brasil – Quartas de Final (Volta)

Local:  Maracanã

Fluminense: Fábio; Samuel Xavier, Nino (Martinelli), Manoel e Caio Paulista (Cris Silva); André, Nonato (Felipe Melo) e Paulo Henrique Ganso; Matheus Martins, Jhon Arias (David Duarte) e Germán Cano. Técnico: Fernando Diniz

Fortaleza: Fernando Miguel; Brítez, Benevenuto, Titi e Ceballos; José Welison (Lucas Lima), Hércules (Otero), Romarinho (Moisés) e Matheus Vargas (Lucas Sasha); Silvio Romero (Robson) e Thiago Galhardo. Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Gols: Ganso (18′ 2T) e Cano (26′ 2T) (FLU); Thiago Galhardo (11′ 1T) e Silvio Romero (45′ 1T) (FOR)

Cartões amarelos: Felipe Melo, Paulo Henrique Ganso e Manoel (FLU); Silvio Romero e Hércules (FOR)

Arbitragem: Wilton Pereira Sampaio, auxiliado por Bruno Raphael Pires e Bruno Boschilia

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana