conecte-se conosco



Polícia

Polícia indicia homem que matou engenheira por ‘atrapalhar’ o trânsito

Publicado

A Polícia Civil conclui o inquérito da morte da engenheira agrônoma Júlia Barbosa de Souza, 28, que foi assassinada em 9 de novembro em Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá) por Jackson Furlan, 29. O suspeito foi indiciado por homicídio qualificado e com motivo fútil.

 

Na época da prisão, ele alegou ter atirado na vítima porque ela estava “atrapalhando” o trânsito em uma das principais avenidas da cidade. Júlia levou um tiro na cabeça, no carro que estava com o namorado, após ser perseguida por Jackson.

Ele foi preso em 10 de novembro, quando se entregou à polícia. Jackson permanece detido no Centro de Ressocialização de Sorriso, após ter a prisão preventiva mantida.

 

De acordo com o delegado André Ribeiro, 5 testemunhas foram ouvidas durante as investigações para apurar o homicídio. “Foram juntados diversos vídeos de câmeras de monitoramento das vias públicas por onde passaram os veículos da vítima e do indiciado, além do laudo de local de crime e das oitivas, que foram remetidos ao Ministério Público Estadual”.

Leia mais:  Traficante com várias passagens é preso Polícia Civil de Nova Xavantina

 

O crime

Júlia e namorado estavam na casa de amigos e foram até uma conveniência comprar chocolates. Depois de sair do local, eles passaram a trafegar com velocidade reduzida por causa de um carro que estava devagar na via. O fato enfureceu o suspeito, que estava bêbado.

 

Ele perseguiu o carro das vítimas por várias ruas até que na avenida Brasil atirou contra o carro, atingindo Júlia, que foi socorrida, mas morreu no hospital. (Com informações da assessoria)

Fonte: Gazeta Digital

Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
Foto e arquivos de imagem
 
 
 
Arquivos de Áudio e Vídeo
 
 
 
Outros tipos de arquivos
 
 
 
  Se inscrever  
Notificação de

Polícia

Motociclista sem CNH tenta fugir de abordagem policial e é preso com R$ 4 mil em notas falsas em Cuiabá

Publicado

Um motociclista foi preso na madrugada desta quinta-feira (12) ao tentar fugir de uma abordagem policial e ser flagrado com R$ 4 mil em notas falsas, em Cuiabá. Segundo a Polícia Militar, o suspeito tentou fugir em alta velocidade, mas acabou preso.

Ele foi preso pelos crimes de moeda falsa, direção perigosa, desobediência, resistência e por não ter carteira de habilitação.

Os policiais faziam rondas e viram o motociclista por volta de 2h50 (horário de Mato Grosso) na Rua Sorriso, no bairro Renascer.

Ele pilotava uma Twister 250 e perdeu o controle da moto ao tentar fugir. Ele ainda teve a intenção de fugir a pé, mas foi preso.

O motociclista foi flagrado com diversas notas de R$ 50, totalizando R$ 4 mil em dinheiro. Ele revelou que as notas eram falsas. Preso, ele foi encaminhado à Polícia Federal de Cuiabá.

O motociclista, que não tinha carteira de habilitação, já tinha antecedente criminal por porte ilegal de arma.

Fonte: G1

Leia mais:  Polícia Civil de Cáceres recupera lancha de luxo furtada em Barão de Melgaço
Continue lendo

Polícia

Morre assaltante baleado por vigia em Cuiabá

Publicado

O assaltante baleado, ontem, no final da tarde, na porta do Estação Bispo Shopping, no centro da capital, não resistiu e morreu no final da noite. ele foi surpreendido pelo vigia que, na troca de tiros, foi atingido na perna. A PM foi informada que  assaltante chegou com revólver calibre 38 e abordou um casal. A mulher jogou a mochila e quando o ladrão foi pegá-la acabou sendo surpreendido pelo vigia, houve luta corporal e o assaltante levou um tiro na cabeça e o vigia foi atingido em uma das pernas.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) levou os dois ao Hospital Municipal de Cuiabá. O ladrão, que estava usando de tornozeleira eletrônica, entrou em coma e morreu. Segundo a equipe médica, o tiro acertou a região temporal direita, informa a Gazeta Digital.

O vigia está fora de perigo.

 

Fonte: Só notícias

Leia mais:  Polícia Civil de Cáceres recupera lancha de luxo furtada em Barão de Melgaço
Continue lendo

Polícia

Comerciante e segurança reagem a assalto e ladrão morre com tiro na cabeça em Cuiabá

Publicado

Um assaltante morreu depois que tentou roubar um comerciante na noite dessa segunda-feira (9) no Centro de Cuiabá. Segundo a Polícia Militar, o suspeito tentou render um comerciante, mas a vítima reagiu. O segurança do estabelecimento também reagiu e os três entraram em luta corporal. A arma do ladrão disparou e ele foi atingido por um tiro na cabeça.

De acordo com a polícia, o segurança foi atingido por um tiro na perna.

Câmeras de segurança registraram a tentativa frustrada de assalto. Nas imagens é possível ver o momento em que o comerciante deixa o estabelecimento com a mulher dele. O comerciante é abordado pelo suspeito e entrega uma mochila, arremessando o objeto no chão.

Comerciante e segurança reagem a assalto e ladrão morre com tiro na cabeça em Cuiabá — Foto: TV Centro América/ReproduçãoComerciante e segurança reagem a assalto e ladrão morre com tiro na cabeça em Cuiabá — Foto: TV Centro América/Reprodução

Comerciante e segurança reagem a assalto e ladrão morre com tiro na cabeça em Cuiabá — Foto: TV Centro América/Reprodução

O suspeito se abaixa para pegar e, em seguida, o segurança surge e o empurra, sendo ajudado pelo comerciante. Os três caem no chão e trocam socos.

A equipe da Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam), da PM, foi ao local, assim como o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

O assaltante, identificado como Gelson da Costa, de 39 anos, e o segurança, que não teve o nome divulgado, foram levados ao Hospital Municipal de Cuiabá.

Gelson não resistiu e morreu durante a madrugada desta terça-feira (10). Já o segurança foi atendido e liberado durante a madrugada. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

Fonte: G1

Continue lendo

Política MT

Polícia

Mato Grosso

Política Nacional

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana