fbpx

Polícia

Polícia Civil prende em flagrante dois suspeitos por homicídio de rapaz no Pedra 90

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Duas pessoas foram presas em flagrante pela Polícia Civil na madrugada desta sexta-feira (17.09) por envolvimento no homicídio de  Felippe Fernandes Rodrigues da Silva, 21 anos, encontrado morto na região do Cinturão Verde, em Cuiabá. Os dois investigados foram autuados por homicídio qualificado e por constituir organização criminosa.

A equipe da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) chegou aos suspeitos depois de realizar diversos levantamentos, oitivas e informações que possibilitaram a identificação dos dois envolvidos no crime.

Conforme o delegado que preside as investigações, Mário Roberto Santiago, os suspeitos foram presos no Pedra 90. Um deles foi localizado em um motel da região, e o outro foi preso no bairro.

Felipe Fernandes foi localizado nesta quinta-feira (16), na estrada do Cinturão Verde, na região do Pedra 90, com oito perfurações de disparo de arma de fogo.

No dia 12 de setembro, duas pessoas (uma delas a vítima do homicídio) foram conduzidas pela Polícia Militar à Central de Flagrantes de Cuiabá sob suspeita de ter cometido estupro contra uma adolescente. Ambos foram ouvidos pelo delegado plantonistas e autuados em flagrante, sendo encaminhados à audiência de custódia, onde foram colocados em liberdade com medida cautelar de uso de tornozeleira eletrônica.

No dia 14 de setembro, começaram a circular em grupos de aplicativos de mensagens de que integrantes de uma organização criminosa estavam atrás dos dois suspeitos do estupro para aplicar o chamado ‘salve’.

Felipe Fernandes foi à Central de Ocorrências da Polícia Civil e registrou um boletim de ocorrências informando que estava sendo ameaçado de um salve por membros do grupo criminoso por conta do possível estupro que teria praticado e passou o nome de uma pessoa que estaria por trás das ameaças. No mesmo dia em que registrou o boletim, Felipe desapareceu e a família registrou uma ocorrência relatando o desaparecimento dele e informando que a vítima havia sido levada por criminosos de uma organização criminosa.

Na quinta, a equipe do Núcleo de Pessoas Desaparecidas estava em diligências para esclarecer o desaparecimento de Felipe, quando foi localizado o corpo dele na região do Cinturão Verde.

A partir das informações dos boletins de ocorrências registrados, os policiais da DHPP chegaram à identificação de duas pessoas envolvidas no homicídio. O delegado Mário Santiago ouviu também a vítima do suposto estupro, além de familiares de Felipe.

Diligências da DHPP seguem para identificar se há envolvimento de outras pessoas no homicídio.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Quatro são presos pela Polícia Civil em ‘escritório do crime’ criado para aplicar golpes de estelionato

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Quatro pessoas foram na tarde desta sexta-feira, 22 de outubro, em Rondonópolis, depois que a Polícia Civil flagrou um grupo, no bairro Jardim Atlântico, que mantinha um ‘escritório do crime’ criado para a prática de golpes de estelionato.

Uma investigação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) apontou que na residência, diversas pessoas se reuniram para planejar e executar golpes, entre eles, de estelionato.

No local havia seis pessoas, todas com vários registros criminais, e quatro delas estavam com mandados de prisões decretados e em aberto por crimes como roubo, tráfico e organização criminosa.

A equipe da DERF apurou ainda que o grupo planejava cometer crimes neste final de semana, em Rondonópolis.

Com os suspeitos foram apreendidas anotações, documentos, chips lacrados de telefonia celular. Eles foram autuados em flagrante por associação criminosa e posse de drogas.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Policiais civis de Barra do Garças são capacitados em atendimento humanizado a vítimas de violência

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Barra do Garças (509 km a leste de Cuiabá) participaram, nesta sexta-feira (22.10), de uma capacitação voltada a servidores da Segurança Pública para o atendimento humanizado a vítimas de violência.

A capacitação foi promovida pela Rede de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher de Barra do Garças, em parceria com a faculdade Unicathedral, e conta com a participação de policiais civis e militares. 

Os temas abordados na capacitação são “Princípios e práticas de formação de policiais para atendimento às mulheres em situação de violência”, “Como, quando e como a submissão feminina passou a existir”, “Crimes com investigações atribuídas à Delegacia da Mulher”.

Entre os palestrantes estão a professora Fiona Macaulay, de uma universidade da Inglaterra, a representante do Ministério Público, Michelle Moraes Santos e a delegada Jozirlethe Criveletto, da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cuiabá.

Segundo a diretora de projetos da Rede de Frente, investigadora Andréa Guirra, a capacitação é ministrada presencialmente na Câmara Municipal de Vereadores de Barra do Garças e também on-line. 

“Além dos servidores da área de segurança, a capacitação também conta com a participação do público em geral, como alunos e pessoas de outros municípios que acessam o conteúdo de forma remota”, disse a investigadora.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Policiais civis são homenageados com mérito Guardiões do Roncador

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT 

Policiais civis de Barra do Garças foram homenageados nesta quinta-feira (21.10) com a medalha do mérito Guardiões do Roncador, conferida pelo 5o Comando Regional da Polícia Militar, sediado no município.

A homenagem é um reconhecimento a servidores pelos serviços prestados na segurança pública, que contribuíram para a redução de índices de criminalidade na região, especialmente nos crimes de homicídio.

Pela Polícia Civil foram homenageados o delegado regional de Barra do Garças, Wilyney Santana Borges e a equipe da 1ª Delegacia, representada pelos delegados Adriano Marcos Alencar e Pablo Borges Rigo e os investigadores Raimundo Oliveira Silva Neto e Sidney Cardoso.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana