fbpx

Polícia

Hackers conhecidos mundialmente expõem dados privados de diretora e coronel da PM e alegam “escalada do facismo”

Publicados

em

Dados privados da diretora do Colégio Notre Dame de Lurdes, e do coronel da Polícia Militar Juliano Chiroli,  foram divulgados pelo  grupo de hackers EterSec, divisão do Anonymous no Brasil. Chiroli  é o então responsável pelo Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

Conforme a publicação do EterSec, em 7 de setembro, trata-se de uma represália contra “a escalada do faciscmo” – como classificaram o sobrevoo de um helicóptero do Ciopaer, com uma bandeira do Brasil, na escola, em 2 de setembro.

Dentre os dados divulgados da diretora estão CPF, RG, CNH, telefones, informações sobre salário, endereços e lugares onde já trabalhou anteriormente. O grupo também divulgou os mesmos dados do coronel do Ciopaer, incluindo dados sobre suas armas e também de seus parentes, incluindo pais, cunhada, sobrinhos, filhos e sogros.

O grupo questiona como a diretora do Colégio Notre Dame conseguiu o voo com recursos públicos e diz que a ação teve um caráter de repressão política.

“Ora, ao realizar uma ação como essa, a diretora, na verdade, utiliza meio de caráter nitidamente repressor para fazer valer sua vontade sobre a dos demais. É só mais uma demonstração que serve para enaltecer o próprio ego em um contexto político em que todos se sentem à vontade para reprimir, oprimir e fazer confundir liberdade de expressão com discursos e atitudes de ódio”, afirmaram.

O Ciopaer e o Colégio Notre Dame afirmam que o sobrevoo não teve conotação política e que o voo ocorreu em comemoração ao feriado nacional da Independência do Brasil, que ocorreu na última terça-feira, 7 de setembro.

A Justiça Militar, o Ministério Público Estadual (MPMT) e o Ministério Público do Trabalho (MPT) afirmaram que irão acompanhar o caso.

Comentários Facebook
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Quatro são presos pela Polícia Civil em ‘escritório do crime’ criado para aplicar golpes de estelionato

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Quatro pessoas foram na tarde desta sexta-feira, 22 de outubro, em Rondonópolis, depois que a Polícia Civil flagrou um grupo, no bairro Jardim Atlântico, que mantinha um ‘escritório do crime’ criado para a prática de golpes de estelionato.

Uma investigação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) apontou que na residência, diversas pessoas se reuniram para planejar e executar golpes, entre eles, de estelionato.

No local havia seis pessoas, todas com vários registros criminais, e quatro delas estavam com mandados de prisões decretados e em aberto por crimes como roubo, tráfico e organização criminosa.

A equipe da DERF apurou ainda que o grupo planejava cometer crimes neste final de semana, em Rondonópolis.

Com os suspeitos foram apreendidas anotações, documentos, chips lacrados de telefonia celular. Eles foram autuados em flagrante por associação criminosa e posse de drogas.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Policiais civis de Barra do Garças são capacitados em atendimento humanizado a vítimas de violência

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Barra do Garças (509 km a leste de Cuiabá) participaram, nesta sexta-feira (22.10), de uma capacitação voltada a servidores da Segurança Pública para o atendimento humanizado a vítimas de violência.

A capacitação foi promovida pela Rede de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher de Barra do Garças, em parceria com a faculdade Unicathedral, e conta com a participação de policiais civis e militares. 

Os temas abordados na capacitação são “Princípios e práticas de formação de policiais para atendimento às mulheres em situação de violência”, “Como, quando e como a submissão feminina passou a existir”, “Crimes com investigações atribuídas à Delegacia da Mulher”.

Entre os palestrantes estão a professora Fiona Macaulay, de uma universidade da Inglaterra, a representante do Ministério Público, Michelle Moraes Santos e a delegada Jozirlethe Criveletto, da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cuiabá.

Segundo a diretora de projetos da Rede de Frente, investigadora Andréa Guirra, a capacitação é ministrada presencialmente na Câmara Municipal de Vereadores de Barra do Garças e também on-line. 

“Além dos servidores da área de segurança, a capacitação também conta com a participação do público em geral, como alunos e pessoas de outros municípios que acessam o conteúdo de forma remota”, disse a investigadora.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Policiais civis são homenageados com mérito Guardiões do Roncador

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT 

Policiais civis de Barra do Garças foram homenageados nesta quinta-feira (21.10) com a medalha do mérito Guardiões do Roncador, conferida pelo 5o Comando Regional da Polícia Militar, sediado no município.

A homenagem é um reconhecimento a servidores pelos serviços prestados na segurança pública, que contribuíram para a redução de índices de criminalidade na região, especialmente nos crimes de homicídio.

Pela Polícia Civil foram homenageados o delegado regional de Barra do Garças, Wilyney Santana Borges e a equipe da 1ª Delegacia, representada pelos delegados Adriano Marcos Alencar e Pablo Borges Rigo e os investigadores Raimundo Oliveira Silva Neto e Sidney Cardoso.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana