conecte-se conosco



EM JACIARA

Foragido é preso após usar documento falso em MT

Publicado

Um homem foragido da Penitenciária Major Eldo Sá Corrêa (Mata Grande), em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), foi identificado pela Polícia Judiciária Civil do município de Jaciara (104 km de Cuiabá), após utilizar documento falso.

O suspeito e outro comparsa foram detidos pela Polícia Militar na noite de terça-feira (11), em um posto de combustíveis no centro da cidade de Jaciara.

Na ocasião, os dois abasteceram um veículo e pagaram o frentista com notas falsas.

Ao serem localizados pela equipe da PM, ambos tentaram fugir, porém, foram detidos e encaminhados à Delegacia de Jaciara por desacato, resistência, desobediência, uso de moeda falsa e uso ilícito de drogas.

Durante interrogatório, os policiais civis desconfiaram e acabaram identificando que um dos conduzidos estava com documento falso, bem como, se tratava de um reeducando foragido da Mata Grande em agosto de 2019.

Diante das evidências, o rapaz também foi autuado em flagrante pelo crime de uso de documento falso. Após a confecção da ocorrência, ele foi colocado à disposição da Justiça.

Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
Foto e arquivos de imagem
 
 
 
Arquivos de Áudio e Vídeo
 
 
 
Outros tipos de arquivos
 
 
 
  Se inscrever  
Notificação de

EM JACIARA

Vereador preso com maconha em carro diz que droga foi deixada por passageiro

Publicado

O vereador de Jaciara, a 143 km de Cuiabá, Everton Ribeiro da Silva (PR), de 24 anos, declarou em um vídeo publicado na internet que a porção de maconha encontrada no veículo dele foi deixada por um passageiro carregado no carro. O parlamentar, que é líder religioso, foi preso na terça-feira (18) pela Polícia Militar.

Nas redes sociais, Everton afirmou que precisava dar uma explicação para as pessoas que admiram a atuação na câmara e na igreja.

“Quem me conhece sabe que meu carro está sempre cheio de gente. Sempre estou levando alguém no hospital, deixando alguém na rodoviária, levando as pessoas para cima e para baixo. Faz duas semanas que mandei lavar o meu carro e não sei quanto tempo isso estava lá dentro”, diz em trecho do vídeo.

Ainda no vídeo, o parlamentar afirma ter suspeitas de quem deixou o entorpecente no veículo, mas que “não pode julgar”.

O vereador foi levado para uma delegacia e foi ouvido. Segundo a Polícia Civil, ele assinou a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por uso de droga e liberado.

Everton é suplente e tomou posse no cargo em agosto do ano passado. À época, ele foi classificado pela Câmara de Vereadores como um “político tranquilo, calmo, com projeção em suas áreas de atuação”.

Continue lendo

Política MT

Polícia

Mato Grosso

Política Nacional

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana