fbpx

Carros e Motos

Dicas para auxiliar na economia de combustível

Publicados

em

Com a alta dos preços dos postos, formas de economia de combustível são sempre bem vindas ao bolso

O Brasil há tempos passa por muitas crises. Entre elas, a alta taxa de desemprego, a economia em queda e os impostos sempre aumentando. Recentemente, tivemos a greve dos caminhoneiros, que fez com que o preço dos combustíveis nos postos aumentasse muito, ao ponto do litro da gasolina ultrapassar os R$ 4. Logo, contamos com a economia de combustível como a única saída, uma vez que os preços ainda tendem a subir. Confira a seguir 7 dicas de economia de combustível :

1. Faça a manutenção periodicamente

Carros são como orquestras. Se houver qualquer falta de harmonia, por melhor que seja o conjunto, faltará eficiência
Divulgação

Carros são como orquestras. Se houver qualquer falta de harmonia, por melhor que seja o conjunto, faltará eficiência

Não se esqueça de levar seu carro para as revisões preventivas, que são aquelas que o mecânico avalia se está na hora ou não de trocar alguma peça. O profissional deve verificar também o alinhamento e balanceamento do veículo, que caso esteja fora, acaba gastando mais combustível.

2. Tente diminuir no peso

Peso extra no carro só prejudica. Não só compromete a economia de combustível, como força todos os componentes
Divulgação

Peso extra no carro só prejudica. Não só compromete a economia de combustível, como força todos os componentes

Quando o carro fica pesado, consequentemente fica mais perto do solo, o que intensifica atrito dos pneus ao solo e a rolagem da carroceria e, assim, requer mais energia para se deslocar. Logo, evite carregar muitos objetos em seu porta malas ou dentro do carro e fique atento ao limite de peso extra recomendado no manual do seu veículo.

3. Preze pela eficiência ao dirigir

Suavidade ao volante é a chave para se bater recordes de economia de combustível
Divulgação

Suavidade ao volante é a chave para se bater recordes de economia de combustível

Não dê freadas e nem aceleradas bruscas, pois isso aumenta muito consumo de combustível. Para evitar esse tipo de dirigibilidade, calcule e reaja antecipadamente no trânsito. Sempre que estiver rodando na cidade ou na estrada, mantenha uma boa distância do veículo a sua frente, pois permitirá frear e parar com mais suavidade. Lembre-se também que existe o momento certo de trocar a marcha, que é o ponto exato em que não seja necessário pisar tão fundo no acelerador para o carro responder, e nem elevar tanto a rotação do motor.

4. Calibre os pneus adequadamente

Já pedalou em uma bicicleta com pneu murcho? A lógica por trás do enorme esforço para movê-la é a mesma nos carros
Divulgação

Já pedalou em uma bicicleta com pneu murcho? A lógica por trás do enorme esforço para movê-la é a mesma nos carros

Tanto para estrada quando para cidade, saiba a média certa do seu veículo. O ajuste inadequado, ou pneus murchos, podem ampliar a aderência do carro ao solo, que tal como em um aumento de peso do carro em geral, necessita de mais energia para se deslocar.

5. Preste atenção nas janelas

Prefira ir de janelas abertas ao invés do ar-condicionado em velocidades abaixo de 70 km/h
Divulgação

Prefira ir de janelas abertas ao invés do ar-condicionado em velocidades abaixo de 70 km/h

Mesmo um pouquinho de abertura nas janelas pode comprometer a aerodinâmica do seu veículo, o que por sua vez, aumentará o consumo de combustível. Isso porque o vidro aberto faz com que o ar externo entre em seu carro, o que diminuirá a sua capacidade de “cortar o vento”. Ou seja, quanto mais ar entra, mais o carro terá que vencer essa barreira.

6. Modere no ar condicionado

Para conciliar com a economia de combustível, use em velocidades acima de 70 km/h
Divulgação

Para conciliar com a economia de combustível, use em velocidades acima de 70 km/h

Apesar do maior atrito ao se abrir as janelas (principalmente em velocidades mais altas), procure usar o ar moderadamente também. O que acontece é que quando o ar-condicionado está ligado, ele gera um aumento de 20% no consumo de combustível, uma vez que o motor terá a tarefa a mais de movimentar o seu compressor.

7. Utilize o combustível adequado para seu veículo

Certifique-se de que a qualidade do que está entrando em seu carro é a mesma de sua regulamentação
Divulgação

Certifique-se de que a qualidade do que está entrando em seu carro é a mesma de sua regulamentação

Tenha sempre um posto de confiança, pois existem muitos administradores de postos de gasolina que, para terem um lucro maior, adulteram com água, querosene, etanol, entre outros produtos não regulamentados. Qualquer impureza que resulta em um combustível de baixa qualidade, por sua vez, obriga o motor a consumir mais para render o mesmo que se abastecido com um bom combustível. Ao seguir todas essas dicas para uma melhoreconomia de combustível , quem agradece, no fim, será sempre o seu bolso.

 

Fonte: IG

Comentários Facebook
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carros e Motos

Honda é destaque no mercado automobilístico

Publicados

em

Há 48 anos a Honda dava início às suas operações no Brasil. Hoje a Honda é uma marca célebre, sua competência e beleza no universo automobilístico a colocaram num patamar destacado. Falar seu nome é sinônimo de qualidade e autonomia. Segurança, qualidade e versatilidade são atributos comuns aos seus produtos e valorizados por todos os clientes da marca.

Sempre preocupada com a segurança no trânsito, com a tecnologia de seus produtos e com o atendimento ao cliente, comprovou o sucesso da empresa, criando novos modelos, ampliando a carta de opções, estourando no mercado com um número exorbitante de vendas. Todos podem usufruir dos produtos, que facilitam o dia a dia das pessoas, com a mais alta qualidade, a um preço justo, atendendo às demandas da sociedade de forma sustentável, se esforçando para que os processos e produtos sejam cada vez mais amigáveis ao meio ambiente.

A Honda continua a trilhar os caminhos do sucesso no desempenho, prezando o meio ambiente, conforto e durabilidade do produto, mantendo o padrão de qualidade e sempre inovando em tecnologia.

Honda Auto Campo

A concessionária Honda Auto Campo, está estabelecida em Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis. Trazendo confiabilidade e os melhores produtos para o Estado, oferecendo também todo o serviço de assistência técnica a seus clientes

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Fiat Doblò chega a R$ 97.020 e pode ficar mais cara que a Toro na linha 2020

Publicados

em


Fiat Doblò 2020
Divulgação

A Fiat Doblò 2020 mudou pouco em relação ao modelo que chegou ao mercado brasileiro em 2002

A FCA
contínua renovando alguns de seus modelos mais antigos. Do alto de seus 18 anos de vida, a minivan Fiat Doblò chega à linha 2020 sem a tão popular versão Adventure. Os preços, por outro lado, subiram consideravelmente, saltando para R$ 92.390. Dessa forma, o veículo utilitário encosta nos R$ 95.990 que a Fiat pede pela picape Toro
, em sua versão Endurance.

LEIA MAIS: Honda HR-V Touring: aceleramos a versão turbinada do SUV

A partir de agora, a Fiat Doblò
está disponível em versão única, Essence, de sete lugar. Há o pacote opcional “Pack Evolution”, de R$ 3.690, que acrescenta rádio Connect com função viva-voz Bluetooth e entrada USB, retrovisores externos elétricos, faróis de neblina, volante multifuncional em couro e sensor de estacionamento traseiro. Neste caso, o valor da minivan chega a R$ 97.020.

O motor continua sendo o conhecido 1.8 E.torQ flex de 132 cv de potência e 18,4 kgfm de torque. O câmbio é sempre manual, de cinco velocidades. Conforme o Inmetro, o modelo pode aferir 6,4 km/l na cidade e 6,7 km/l na estrada com etanol. Na gasolina, os números vão para 9,2 km/l e 9,8 km/l, respectivamente. Seu porta-malas garante 665 litros de capacidade, com carga útil de 490 kg.

LEIA MAIS: Jeep volta a disponibilizar Renegade na versão Night Eagle

Enquanto isso, na Europa


Fiat Doblò 2020
Divulgação

Na Europa, a Fiat Doblò foi completamente renovada. Modelo ostenta o bom motor do tipo Multijet

No Velho Continente, a Fiat Doblò se transformou ao longo dos anos. Ganhou uma nova geração, que tenta se distanciar dos veículos utilitários convencionais. Seu design não nega influências na Kia Soul, a primeira minivan com linhas modernas e descoladas.

LEIA MAIS: Peugeot 2008 com retoques chega às lojas a partir de R$ 69.990

Com seis airbags, a Fiat Doblò
europeia parte de 19 mil euros (R$ 87 mil, em uma conversão simples).Há também uma versão estendida, com 35 cm a mais de entre-eixos e motor Multijet com injeção direta.

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Chevrolet Onix vende mais que o dobro do Hyundai HB20

Publicados

em


Chevrolet Onix
Divulgação

Chevrolet Onix volta a ser o destaque em maio, se distanciando ainda mais dos principais rivais

O ranking geral da Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos) revela quais foram os veículos mais comercializados do mês de maio no mercado automotivo. O Chevrolet Onix volta a ser destaque, vendendo mais que o dobro do segundo colocado, Hyundai HB20
.

LEIA MAIS: Chevrolet Onix Sedan aparece do jeito que será vendido no Brasil

De acordo com o levantamento, o Chevrolet Onix 
vendeu 22.279 unidades durante maio, enquanto o modelo coreano emplacou 10.111 no mercado automotivo
. Um pouco abaixo, o Ford Ka aparece com 9.484 unidades vendidas, seguido por Renault Kwid (8.661) e VW Gol (8.317).

LEIA MAIS: JAC Motors terá cinco veículos elétricos no Brasil até meados de 2020

O Chevrolet Prisma surge na sexta colocação, com 7.509 modelos vendidos, enquanto o VW Polo fica em sétimo com 6.199. O Grupo FCA faz uma dobradinha com Jeep Renegade (5.714) e Fiat Argo (5.599). Apesar de sua nova geração já ter sido anunciada – incluindo um novo modelo híbrido – o Toyota Corolla não perde fôlego nas vendas. De acordo com a Fenabrave, foram 5.182 emplacamentos.

Confira o ranking dos modelos mais vendidos do Brasil no mercado automotivo
:

1 – Chevrolet Onix – 22.279 unidades
2 – Hyundai HB20 – 10.111 unidades
3 – Ford Ka – 9.484 unidades
4 – Renault Kwid – 8.661 unidades
5 – VW Gol – 8.317 unidades
6 – Chevrolet Prisma – 7.509 unidades
7 – VW Polo – 6.199 unidades
8 – Jeep Renegade – 5.714 unidades
9 – Fiat Argo – 5.599 unidades
10 – Toyota Corolla – 5.182 unidades

Comentários Facebook
Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana