Cuiabá

Decisão judicial reforça pedido da gestão Pinheiro para realização de audiências e apresentação de projeto de novo modal

Avatar

Publicados

em


Davi Valle

Clique para ampliar

Está garantida judicialmente a participação da população na escolha do melhor modal de transporte para a região do Vale do Rio Cuiabá. De acordo com a decisão tomada pelo juiz Ciro José de Andrade Arapiraca, da 1ª Vara Federal Cível e Agrária de Mato Grosso na última terça-feira (16), deverão ser realizados debates, consultas e/ou audiências públicas para demonstrar a conclusão de maior viabilidade do BRT como melhor opção para a mobilidade urbana intermunicipal.

“Eu peço que me ouça e ponderem, ponderem o que diz o prefeito, o que diz o governador. Há quanto tempo eu venho falando que Cuiabá não foi ouvida? Que Várzea Grande não foi ouvida? mas lá tem prefeito e eu vou falar pela minha terra. Tem setores da imprensa que acreditaram e bateram em mim, vereadores, deputados que acreditaram no Governo, o prefeito está dizendo que não foi ouvido. Então tem que ir pra justiça, você acha que eu quero ir para a justiça? Eu queria poder dialogar, mas não tem diálogo, é tudo goela abaixo, decisões tomadas por dois ou três. Aí a justiça vem e coloca os pingos nos ‘is’. Não está na hora de suspender ainda, mas prova para gente que a Prefeitura foi ouvida, se por ventura não provar, vão ter que ouvir sim, vai ter que ter debate, vai ter que ter audiência pública, vai ter que mostrar projeto e comprovar tudo e ainda vai ter que trazer o Conselho Deliberativo da Região Metropolitana para estar dentro, porque está fora? Eu já me dou por satisfeito nesta etapa, porque o meu povo vai ser ouvido, e quero que seja ouvido nos mínimos detalhes, temos que garantir o que há de melhor para a nossa gente e não o que há de mais conveniente para quem está no Estado”.

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro, defende que a população seja ouvida em definição quanto ao novo modal de transporte público para Cuiabá e Várzea Grande. Para Pinheiro, a decisão estadual para substituição do modal VLT para o BRT foi tecnocrata e tomada de forma unilateral. Para o gestor, o ideal seria a realização de um plebiscito para que a população escolha o modelo de transporte que melhor atenda suas necessidades.

“O juiz pede que haja um debate e como presidente do Comitê eu espero que o Governo do estado apresente o projeto do modal que ele propõe, apresente a viabilidade para que se possa discutir com a sociedade qual o modal que melhor atenda a população de Cuiabá e Várzea Grande. A decisão do magistrado é o que o Comitê está aguardando que o Governo faça”, pontuou o presidente do Comitê de Análise Técnica para Definição do Modal de Transporte Público da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá, Juares Samaniego.

A decisão do juiz atende parcialmente ao pedido feito pela Prefeitura de Cuiabá ao Ministério Público Estadual (MPE) de impedir a troca de modal, de VLT para BRT, sem a consultar os municípios envolvidos e a população. Para o magistrado, o Governo do Estado deve adotar “medidas para possibilitar a realização de debates, consultas e/ou audiências públicas, inclusive, com a participação do Conselho Deliberativo Metropolitano da Região do Vale do Rio Cuiabá – CODEM/VRC, conferindo publicidade a todos aspectos que levaram à conclusão de maior viabilidade do modal BRT como solução de mobilidade urbana, comprovando-se nos autos”.

O Comitê

Com foco em dialogar sobre a escolha do melhor modal para Cuiabá, o gestor criou o Comitê de Análise Técnica para Definição do Modal de Transporte Público da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá, em 22 de janeiro via decreto municipal. Além de sua comissão técnica permanente, serão convidadas instituições, como Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (FIEMT), Sindicato das Indústrias da Construção do Estado de Mato Grosso (Sinduscom-MT), COnselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (CREA-MT) e Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Mato Grosso (CAU-MT) para colaborar com o debate nas reuniões, que devem ser abertas para participação pública também.

Comentários Facebook
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cuiabá

Prefeito sanciona lei que  reconhece atividade religiosa como essencial

Avatar

Publicados

em


Davi Valle

Clique para ampliar

O prefeito Emanuel Pinheiro sancionou nesta terça-feira (13), a lei 6663/2021 de autoria do vereador Renivaldo Nascimento (PSDB), que reconhece a atividade religiosa como essencial em tempos de crises sanitárias, como a pandemia da covid-19.

Na última sexta-feira (9), o prefeito já havia liberado as atividades religiosas de forma presencial, de segunda a domingo das 5h às 20h30 desde que observados os protocolos de convivência e de distanciamento social com limitação de 30% (da capacidade do local). 
 
“Respeitando todas as medidas de biossegurança, como distanciamento, uso de máscara e álcool em gel, iremos conter o avanço da pandemia. Peço que todos líderes religiosos fiquem atentos a isso, para que possamos enfrentar juntos a maior  crise sanitária. E com fé em Deus iremos conseguir”, comentou o prefeito. 
 
O autor do projeto, vereador Renivaldo destaca que: “neste momento, os templos podem e devem estar abertos para um aconselhamento individual, oração, doação de alimentos, cultos, missas, encontros e outras atividades que contribuem com o fortalecimento da fé e equilíbrio emocional das pessoas, bem como a assistência social da população”, disse.
 
Em outro trecho do projeto,  consta que as instituições religiosas prestam serviços sociais importantes que, em momentos de crise, se tornam essenciais. “Temos visto nos últimos tempos em todas as catástrofes naturais, os templos religiosos participarem colaborativamente na arrecadação e distribuição de alimentos, água, roupas e itens de higiene pessoal”, complementou o vereador na justificativa.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Cadastramento para o Kit Alimentação Escolar é feito somente pela internet

Avatar

Publicados

em


Jorge Pinho

Clique para ampliar

A Prefeitura Municipal de Cuiabá por meio da Secretaria Municipal de Educação esclarece aos pais/responsáveis que o cadastramento para o recebimento do Kit Alimentação Escolar é feito somente via internet por meio do link http://cras.rf.gd  ou acessando o fullbanner Cadastro/Kit Alimentação Escolar, no site da Prefeitura de Cuiabá. O cadastramento será feito do dia 13 de abril até às 18 horas do dia 16, deste mês. Os responsáveis devem acessar o link, preencher o cadastro com as informações solicitadas, pessoais e dos estudantes atendidos na rede pública municipal de Educação.

Os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) não estão fazendo atendimento presencial.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Novo polo de vacinação começa a funcionar no Sesc Balneário nesta quarta-feira (14)

Avatar

Publicados

em


Davi Valle

Clique para ampliar

 A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vai abrir nesta quarta-feira (14), mais um polo de vacinação contra a Covid-19, no Sesc Balneário. O local fica na Av. Dr. Meirelles, S/n, no bairro São João D’Rei, e atenderá a princípio os idosos de 65 a 69 anos que ainda não tomaram a primeira dose do imunizante. O horário de atendimento será das 9h às 16h, de maneira presencial.

Com este, Cuiabá passa a ter quatro polos de vacinação contra o vírus. A Prefeitura da Capital já havia iniciado o procedimento de descentralização do Centro de Eventos do Pantanal e aberto novos polos no Sesi Papa, região do bairro Bela Vista e na UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso).

“Temos a satisfação e a alegria de poder contar com mais este polo de vacinação e tenho fé que vamos conseguir cada vez aumentar ainda mais o número de cuiabanos imunizados. A prefeitura tem trabalhado dia e noite para que as melhores estruturas e um bom atendimento seja levado à todos”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

Nos polos da UFMT e Sesi Papa estão sendo imunizados no modelo drive thru. No Sesi está imunizando os idosos de 65 a 69 anos (1ª dose). Já na UFMT está atendendo apenas trabalhadores de saúde com a segunda dose da vacina Coronavac.

“Como não vem escrito o local de vacinação no agendamento, é importante que as pessoas se atentem, para aos informativos a respeito dos locais onde o seu grupo de vacinação está sendo atendido, para não gerar aborrecimentos, aglomerações ou confusão no momento da imunização”, disse a coordenadora epidemiológica, Valéria de Oliveira.

A campanha de vacinação no Centro de Eventos seguirá vacinando com primeira dose os idosos de 70 a 74 anos e aqueles acima de 75 que ainda não receberam nenhuma dose. Aqueles que estão cadastrados no site já estão na lista de espera e devem consultar seu cadastro para verificarem o dia e horário que deverão comparecer ao polo de vacinação. Aqueles que não tiverem recebido a agenda ainda, terão a vacina marcada para os próximos dias.

APÓS O CADASTRO NO SITE ESTAR PRONTO, PARA SABER O DIA E HORÁRIO DO AGENDAMENTO, SIGA OS SEGUINTES PASSOS:

-Entre no site www.vacina.cuiaba.mt.gov.br;

-Clique em PRÉ CADASTRO;

-Clique em CONSULTAR CADASTRO;

-Preencha com o número do CPF e clique em CONSULTAR CADASTRO;

-No fim da página, aparecerá a data e o horário do agendamento. Clique no desenho da     impressora para gerar o QR Code. Imprima ou tire um print do QR Code para levar no dia que for se vacinar.

-Caso a pessoa tenha feito o cadastro no site, mas ainda não apareceu seu agendamento, ela entrará em uma fila de espera e será agendada nos próximos dias, sempre seguindo por ordem cronológica de cadastro.

Comentários Facebook
Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana