conecte-se conosco



Contas da Prefeitura de Rondonópolis são aprovadas por unanimidade pelo TCE

Publicado

RONDONÓPOLIS

O Pleno do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE/MT) aprovou, por unanimidade, as contas referentes ao exercício de 2018 da Prefeitura de Rondonópolis. O resultado da análise contábil das contas de governo, sob a gestão do prefeito Zé Carlos do Pátio, ocorreu durante a sessão plenária do TCE realizada na manhã desta quinta-feira (28), em Cuiabá.

De acordo com o Auditor Geral do município, José Fabrício Roberto, o relator das contas, o conselheiro Guilherme Maluf, destacou em seu voto o cumprimento por parte da Prefeitura dos limites constitucionais estabelecidos para as áreas da saúde e educação, além do gasto com pessoal realizado dentro dos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Além disso, o relator ressaltou o equilíbrio financeiro do município. A deliberação do relator pela aprovação das contas de governo de 2018 manifestada durante a sessão foi acompanhada pelos demais conselheiros do pleno. Agora, o parecer aprovado, por unanimidade, pelo pleno do TCE será enviado para votação dos vereadores, na Câmara Municipal de Rondonópolis.

As contas de governo referentes ao exercício de 2017 da Prefeitura de Rondonópolis também foram aprovadas pelo TCE.

fonte: Prefeitura Rondonópolis

0 0 vote
Article Rating
Clique para comentar
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

RONDONÓPOLIS

Educação financeira chega às escolas da Rede Pública

Publicado

Novidade este ano, já começa a ser introduzida nas escolas da Rede Pública de Rondonópolis a educação financeira, atendendo a uma exigência da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). A oferta desse conteúdo pretende atuar na formação de comportamentos adequados para que as crianças aprendam a lidar com dinheiro de maneira que não apenas evitem desperdícios, mas saibam como utilizá-lo com equilíbrio, fazendo escolhas corretas na hora das compras, e poupá-lo para concretizar objetivos planejados para o futuro.

Sendo uma disciplina transversal, ou seja, que pode ser transmitida junto com outras matérias e projetos do currículo escolar, a educação financeira será difundida em sala de aula contemplando os estudantes desde o início da sua trajetória discente.

“Trata-se de um tema que deve ser trabalhado desde a educação infantil permeando todo o período de formação dos alunos. Vamos entregar essa diretriz curricular para todas as escolas e cada diretor vai implementá-la com o acompanhamento das áreas finalísticas da Secretaria Municipal de Educação, que são os Departamentos de Educação Infantil, de Educação Fundamental e de Qualificação”, explica a secretária de Educação, Carmem Monteiro.

Dotados de mais essa competência, os estudantes serão capazes de lidar bem com situações práticas do dia a dia que exigem consciência e bom senso na aplicação dos recursos financeiros de que dispõem. Entender a diferença entre ser consumidor e ser consumista é fundamental para que a pessoa consiga se posicionar conscientemente na hora de adquirir desde roupas a alimentos e serviços, entre outras ofertas de mercado. Assimilar condutas que o levem a controlar o impulso e não gastar pela emoção, muitas vezes adquirindo produtos desnecessários, é outro benefício gerado por esse conhecimento.

Carmem lembra que a educação financeira acaba abarcando outras esferas, como, por exemplo, ecologia e sustentabilidade. “Esse aprendizado também provoca uma mudança de hábitos nos estudantes. Então, eles passam a adotar atitudes como fechar a torneira no momento em que estiver escovando os dentes para não desperdiçar água, desligar o interruptor ao sair de um ambiente ou retirar aparelhos da tomada quando este não estiver sendo utilizado para evitar gasto de energia sem que ninguém esteja no local, entre outras práticas”, exemplifica a secretária.

Outra inovação, segundo ela, é que, este ano será lançado um projeto nas aulas de matemática com base no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa), que oferece avaliação em competência financeira aos países membros do programa. De acordo com a mais recente análise divulgada pelo Pisa, realizada em 2015, o Brasil ficou em último lugar entre os 15 países participantes do exame.

Ao refletir sobre a relevância de abordar conteúdos relacionados com habilidades no trato com dinheiro nas escolas, Carmem pontua: “Talvez, se tivéssemos ensinado alunos de outras gerações sobre como administrar suas finanças conscientizando-os de que tudo envolve um custo, não teríamos, hoje, tanto endividamento. Queremos reverter essa realidade envolvendo uma mudança de paradigmas”.

Assessoria

0 0 vote
Article Rating
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

Professora e assistente são condenadas por maus-tratos contra criança deficiente

Publicado

Uma professora contratada e uma assistente de desenvolvimento educacional, que trabalhavam em uma unidade de educação infantil de Rondonópolis (218 km de Cuiabá), foram condenadas por improbidade administrativa acusadas de praticarem maus-tratos e discriminação contra uma criança com deficiência.

A decisão foi divulgada nesta quarta-feira (05) pelo Ministério Público Estadual (MPE). Os fatos ocorreram em 2018 em uma unidade que atende alunos entre 3 a 5 anos.

De acordo com o MPE, as servidoras estimulavam que outras crianças imitassem os movimentos que são característicos da deficiência da vítima.

Consta na ação que as rés impediam o convívio escolar do aluno deficiente com os demais colegas em sala de aula e estimularam as demais crianças a agirem de forma discriminatória.

Também foi comprovado que as duas agiram de forma rude e grosseira, chegando a repreender as estagiárias que queriam acolher com carinho as crianças quando choravam.

“A conduta da professora e da auxiliar ao rirem e estimularem a imitação dos movimentos (virar os olhos e pôr a língua pra fora) implicam em incitação de bullyng (ensinado às crianças de tenra idade) e discriminação”, diz trecho da ação.

Além da perda da função pública, a professora e a assistente de desenvolvimento educacional tiveram os direitos políticos suspensos por três anos, estão proibidas de contratar com o Poder Público, de receber benefícios ou incentivos fiscais e ainda terão que efetuar o pagamento de multa civil.

0 0 vote
Article Rating
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

Acusado de matar homem por farol alto em posto de combustível é preso

Publicado

O juiz Wagner Plaza Machado Junior, da 1ª Vara Criminal da Comarca de Rondonópolis, determinou nesta terça-feira (04), a prisão de Maroan Fernandes Haidar Ahmed, de 20 anos, acusado de assassinar Fábio Batista da Silva, na conveniência de um posto de combustíveis, no dia 03 de dezembro de 2018.

A decisão foi proferida após Maroan não comparecer a uma audiência realizada na tarde desta terça, no fórum da cidade.

Maroan foi preso pela Polícia Militar na casa dele e encaminhado para a 1ª Delegacia de Polícia Civil, onde deve aguardar por audiência de custódia.

O crime

Um vídeo gravado pelas câmeras de monitoramento do estabelecimento mostra o momento em que Fábio Batista da Silva é atingido pelos disparos.

Maroan chegou no estabelecimento dirigindo uma caminhonete e parou o veículo perto das mesas usadas pelos clientes.

Em seguida, um funcionário da conveniência foi até a caminhonete e atendeu o motorista, que não desliga o carro e permanece no veículo com ele ligado.

Alguns clientes reclamam da luz e fizeram sinais para o motorista. Logo depois, a vítima se levantou, foi até a caminhonete e bateu no capô pedindo que o motorista desligue a luz. Ele fez sinais e ao caminhar volta para a mesa foi atingido por um disparo e caiu no chão.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e constatou o óbito.

0 0 vote
Article Rating
Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana





0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x