fbpx

Carros e Motos

Confira os 5 melhores SUVs médios que dirigimos nos últimos anos

Publicados

em

Os utilitários esportivos já representam 25% do mercado de automóveis e comerciais leves no Brasil.  Entre as categorias em que se subvidivem, a dos modelos médios é uma das que têm mais prestígio. Nos últimos três anos, a reportagem de iG Carros teve a oportunidade de experimentar alguns dos melhores SUVs.

LEIA MAIS: Confira os 5 melhores SUVs de até R$ 150 mil que experimentamos

Na lista abaixo, escolhemos os 5 modelos SUVs médios que mais gostamos. levando em consideração itens como conforto, espaço, desempenho, nível de sofisticação, entre outros aspectos que são levados em conta na hora da compra. Confira a lista dos melhores SUVs
que dirigimos ultimamente.

1 – Kia Sportage – a partir de R$ 137.990


Kia Sportage vermelho estacionado de lado com a cidade ao fundo
Caue Lira e divulgação

Kia Sportage 2019 faz parte da lista dos melhores SUVs disponíveis atualmente no Brasil

Estamos falando de um SUV com ótima posição de dirigir, combinado aos ajustes elétricos do banco do motorista e altura e profundidade do volante.

Por dentro, destacamos o novo volante, quadro de instrumentos e saídas de ventilação – que foram repaginadas por conta da nova central multimídia. O freio de estacionamento que era no pé foi integrado ao console central.

O Kia Sportage
tem a força de seu 2.0 de quatro cilindros, com 156 cv de potência e 19,2 kgfm de torque. Os números são suficientes para andar com o SUV de 1.500 kg na cidade, mas poderia ser mais ágil em subidas ou retomadas. De acordo com a marca, ele vai de 0 a 100 km/h em 11 segundos, com velocidade máxima de 175 km/h.

LEIA MAIS:Kia Sportage renovado fica com visual mais arrojado, mas mantém parte mecânica

De acordo com dados fornecidos pelo Inmetro,  o Kia faz 6 km/l de etanol na cidade e 7,5 na estrada, ante 5,5 km/l e 7,2 km/l do Compass, respectivamente. E o tanque do Sportage é bem maior, o que acaba rendendo um pouco mais de autonomia (465 km, conforme a fabricante).

2 – Jeep Compass Limited Flex – (a partir de R$ 142.490)


Jeep Compass Limited Flex branco, anda pela rua
Divulgação

Jeep Compass Limited Flex, o mais sofisticado da linha, recebeu uma série de melhorias na linha 2019

 O Jeep Compass
Limited Flex 2019 ganhou sistema que detecta uma vaga e ajuda a estacionar, girando o volante de um lado para o outro para fazer a baliza, restando ao motorista apenas a controlar o movimento do carro com os freios.

Além disso, o carro recebeu partida remota pela chave, o que é útil para ligar o ar-condicionado, evitando o desconforto de ter que entrar no carro que ficou parado sob sol quente por algum tempo. 

O que poderia melhorar no Compass Limited 2.0 Flex é a força do motor nas primeiras marcações do contagiros. Até 3.000 rpm, o carro esboça apenas uma reação bem discreta. Apenas a partir desse patamar é que começa a ganhar fôlego.

LEIA MAIS: eep Compass Limited 2019:  SUV líder de vendas no Brasil evolui

De acordo com os números do Inmetro, o SUV faz 6,1 km/l de etanol na cidade e 7,5 km/l na estrada. E o tanque de 60 litros não é dos maiores, o que acaba deixando a autonomia apenas razoável. Teoricamente, de cerca de 360 km na cidade e 450 km na estrada, com etanol.

3 – Toyota RAV4


Toyota RAV4 azul anda pela estrada
Divulgação

Toyota RAV4 está para mudar com a chegada da nova geração, mas a atual está entre os melhores SUVs

 O que faria uma pessoa comprar o SUV da Toyota? Depois de enfrentar alguns quilômetros na cidade e na estrada, dá para concluir que seriam os mesmos motivos que levariam alguém a optar pelo Corolla no lugar do Civic, em uma comparação simples.

O painel é simples e seu habitáculo, como um todo, foi feito para a praticidade e não para uma exibição artística. Alguns comandos poderiam estar mais bem posicionados, o que os deixaria mais fáceis de serem acionados.

A central multimídia de sete polegadas não tem o melhor dos toques e algumas funções que deveriam estar no menu principal parecem escondidas. Mas o bom porta-malas de 547 litros é suficiente para levar a bagagem de uma família com dois filhos sem nenhum aperto.

LEIA MAIS: oyota RAV4: versão 4×2 TOP revela seus valores tangíveis

O motor 2.0 entrega apenas 145 cv e 19,5 kgfm de torque a 3.600 rpm. Aliado ao câmbio automático CVT,  que simula sete marchas, o RAV4 acelera de 0 a 100 km/h em longos 12,6 segundos. O gerenciamento, por outro lado, é inteligente o suficiente para reduzir as marchas em ultrapassagens. Bem escalonada, a caixa automática é uma das responsáveis pelo bom consumo de 9,5 km/l na cidade e 10,9 km/l na estrada, de acordo com o Inmetro.

4 –  Chevrolet Equinox


Chevrolet Equinox laranja depois de contornar uma curva na estrada
Chevrolet Equinox

Chevrolet Equinox tem sobra de espaço e desempenho surpreendente entre suas principais qualidades

Não é que o Chevrolet Equinox Premier (R$ 149.900) aparece como uma grata surpresa? Feito sobre a mesma base do Cruze e com motor 2.0, turbo, o carro provou que vai além de levar as crianças à escola ou marcar presença no shopping.

A tração integral também ajuda a tornar a viagem mais animada ao pisar no acelerador, distribuindo bem os 262 cv de potência e os nada desprezíveis 37 kgfm de torque a 4.500 rpm. Ouse a pressionar no pedal da direita com vontade e o Chevrolet Equinox dispara como um esportivo empolgante, inclusive, deixando um ronco grave no ar.

Pois é, meu amigo, que tal um SUV de 1.693 kg conseguir fazer de 0 a 100 km/h em apenas 7,6 segundos? Nada mau. Entretanto, o SUV também mostrou que tem outras qualidades além do bom desempenho.  Por outro lado, a distância livre do solo um tanto baixa acaba fazendo a parte de baixo do para-choque raspar em valetas, lombadas e rampas com certa facilidade.

LEIA MAIS: Chevrolet Equinox Premier:  SUV supersônico

E para um carro com tanta potência e bom porte, o tanque de 59 litros acaba limitando um pouco a autonomia, em torno de 590 quilôletros considerando o consumo médio de 10 km/l de gasolina na estrada, de acordo com o Inmetro, que também diz que o carro faz 8,4 km/l na cidade. 

5 – Peugeot 5008


Peugeot 5008 azul roda na estrada ao por do sol
Divulgação

Peugeot 5008 também pode ser incluída na lista dos melhores SUVs médios que guiamos nos últimos anos

 O modelo da marca francesa é marcado pelo estilo arrojado, mas conta com soluções sofisticadas que nem sempre dão certo. Como os controles climáticos integrados ao sistema multimídia, a situação acaba ficando mais complicada.

Mas  há outros itens que agradam, como o carregador de celular por indução. O popular cockpit digital também está disponível e pode ser configurado de várias maneiras, de acordo com o gosto do freguês.

LEIA MAIS:Peugeot 5008 chega com sete lugares e boa dose de sofisticação

A posição de dirigir vai depender do gosto do cliente, pois o 5008 aposta em um ponto H (que determina a altura da base do assento) mais baixo e esportivo. Além disso, o volante multifuncional achatado é pequeno, fazendo com que o motorista observe o painel de instrumentos por cima.  

O bom gerenciamento de câmbio faz com que o Peugeot 5008 seja mais elástico na cidade, ainda que falta um pouco mais de força. São razoáveis 25,5 kgfm a meros 1.400 rpm, o que é suficiente para acelerar de 0 a 100 km/h em mediados 10,5 segundos. Além disso, o acerto de suspensão também é um ponto a favor do modelo francês, sendo mais rígido e estável.  Entretanto, o 5008 pode ser incluído a lista dos nossos melhores SUVs
.

Comentários Facebook
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carros e Motos

Honda é destaque no mercado automobilístico

Publicados

em

Há 48 anos a Honda dava início às suas operações no Brasil. Hoje a Honda é uma marca célebre, sua competência e beleza no universo automobilístico a colocaram num patamar destacado. Falar seu nome é sinônimo de qualidade e autonomia. Segurança, qualidade e versatilidade são atributos comuns aos seus produtos e valorizados por todos os clientes da marca.

Sempre preocupada com a segurança no trânsito, com a tecnologia de seus produtos e com o atendimento ao cliente, comprovou o sucesso da empresa, criando novos modelos, ampliando a carta de opções, estourando no mercado com um número exorbitante de vendas. Todos podem usufruir dos produtos, que facilitam o dia a dia das pessoas, com a mais alta qualidade, a um preço justo, atendendo às demandas da sociedade de forma sustentável, se esforçando para que os processos e produtos sejam cada vez mais amigáveis ao meio ambiente.

A Honda continua a trilhar os caminhos do sucesso no desempenho, prezando o meio ambiente, conforto e durabilidade do produto, mantendo o padrão de qualidade e sempre inovando em tecnologia.

Honda Auto Campo

A concessionária Honda Auto Campo, está estabelecida em Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis. Trazendo confiabilidade e os melhores produtos para o Estado, oferecendo também todo o serviço de assistência técnica a seus clientes

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Fiat Doblò chega a R$ 97.020 e pode ficar mais cara que a Toro na linha 2020

Publicados

em


Fiat Doblò 2020
Divulgação

A Fiat Doblò 2020 mudou pouco em relação ao modelo que chegou ao mercado brasileiro em 2002

A FCA
contínua renovando alguns de seus modelos mais antigos. Do alto de seus 18 anos de vida, a minivan Fiat Doblò chega à linha 2020 sem a tão popular versão Adventure. Os preços, por outro lado, subiram consideravelmente, saltando para R$ 92.390. Dessa forma, o veículo utilitário encosta nos R$ 95.990 que a Fiat pede pela picape Toro
, em sua versão Endurance.

LEIA MAIS: Honda HR-V Touring: aceleramos a versão turbinada do SUV

A partir de agora, a Fiat Doblò
está disponível em versão única, Essence, de sete lugar. Há o pacote opcional “Pack Evolution”, de R$ 3.690, que acrescenta rádio Connect com função viva-voz Bluetooth e entrada USB, retrovisores externos elétricos, faróis de neblina, volante multifuncional em couro e sensor de estacionamento traseiro. Neste caso, o valor da minivan chega a R$ 97.020.

O motor continua sendo o conhecido 1.8 E.torQ flex de 132 cv de potência e 18,4 kgfm de torque. O câmbio é sempre manual, de cinco velocidades. Conforme o Inmetro, o modelo pode aferir 6,4 km/l na cidade e 6,7 km/l na estrada com etanol. Na gasolina, os números vão para 9,2 km/l e 9,8 km/l, respectivamente. Seu porta-malas garante 665 litros de capacidade, com carga útil de 490 kg.

LEIA MAIS: Jeep volta a disponibilizar Renegade na versão Night Eagle

Enquanto isso, na Europa


Fiat Doblò 2020
Divulgação

Na Europa, a Fiat Doblò foi completamente renovada. Modelo ostenta o bom motor do tipo Multijet

No Velho Continente, a Fiat Doblò se transformou ao longo dos anos. Ganhou uma nova geração, que tenta se distanciar dos veículos utilitários convencionais. Seu design não nega influências na Kia Soul, a primeira minivan com linhas modernas e descoladas.

LEIA MAIS: Peugeot 2008 com retoques chega às lojas a partir de R$ 69.990

Com seis airbags, a Fiat Doblò
europeia parte de 19 mil euros (R$ 87 mil, em uma conversão simples).Há também uma versão estendida, com 35 cm a mais de entre-eixos e motor Multijet com injeção direta.

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Chevrolet Onix vende mais que o dobro do Hyundai HB20

Publicados

em


Chevrolet Onix
Divulgação

Chevrolet Onix volta a ser o destaque em maio, se distanciando ainda mais dos principais rivais

O ranking geral da Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos) revela quais foram os veículos mais comercializados do mês de maio no mercado automotivo. O Chevrolet Onix volta a ser destaque, vendendo mais que o dobro do segundo colocado, Hyundai HB20
.

LEIA MAIS: Chevrolet Onix Sedan aparece do jeito que será vendido no Brasil

De acordo com o levantamento, o Chevrolet Onix 
vendeu 22.279 unidades durante maio, enquanto o modelo coreano emplacou 10.111 no mercado automotivo
. Um pouco abaixo, o Ford Ka aparece com 9.484 unidades vendidas, seguido por Renault Kwid (8.661) e VW Gol (8.317).

LEIA MAIS: JAC Motors terá cinco veículos elétricos no Brasil até meados de 2020

O Chevrolet Prisma surge na sexta colocação, com 7.509 modelos vendidos, enquanto o VW Polo fica em sétimo com 6.199. O Grupo FCA faz uma dobradinha com Jeep Renegade (5.714) e Fiat Argo (5.599). Apesar de sua nova geração já ter sido anunciada – incluindo um novo modelo híbrido – o Toyota Corolla não perde fôlego nas vendas. De acordo com a Fenabrave, foram 5.182 emplacamentos.

Confira o ranking dos modelos mais vendidos do Brasil no mercado automotivo
:

1 – Chevrolet Onix – 22.279 unidades
2 – Hyundai HB20 – 10.111 unidades
3 – Ford Ka – 9.484 unidades
4 – Renault Kwid – 8.661 unidades
5 – VW Gol – 8.317 unidades
6 – Chevrolet Prisma – 7.509 unidades
7 – VW Polo – 6.199 unidades
8 – Jeep Renegade – 5.714 unidades
9 – Fiat Argo – 5.599 unidades
10 – Toyota Corolla – 5.182 unidades

Comentários Facebook
Continue lendo

Política

Polícia

GERAL

Mais Lidas da Semana