Segundo a Polícia Militar, uma denúncia via 190 informou, por volta das 22h, que uma farmácia na região havia sido roubada por dois jovens.

Os agentes foram até o local, mas, durante o trajeto, acabaram localizando os suspeitos no bairro CPA 1. Ambos tinham as mesmas características relatadas pelo informante que registrou a queixa.

Ao perceber que estava sendo acompanhada pela guarnição da PM, a dupla tentou fugir e conseguiu entrar na Escola Estadual Benedito de Carvalho. Os militares fizeram uma varredura no interior da instituição de ensino e encontraram um dos acusados em um dos banheiros do local.

Mesmo acuado, o assaltante apontou um revólver na direção dos policiais, que revidaram atirando contra o rapaz. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado para prestar os primeiros cuidados à vítima.

Leia mais:  Mais dois envolvidos em vídeo de tortura são presos em Barra do Garças

Contudo, devido à demora da equipe de resgate, os policiais decidiram levar o suspeito ferido para o Pronto-Socorro da Capital. Porém, ele não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho da unidade de saúde.

O bandido foi reconhecido pelas vítimas do roubo. Com ele, foram encontradas uma arma de fogo, munições, além de pertences pessoais que haviam sido levados no assalto, como relógios e celulares.

O outro envolvido no crime conseguiu fugir e ainda não foi localizado. A polícia segue com as buscas para encontrá-lo.

A Polícia Civil investiga o caso.